segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

tomorrow
[ano novo?]


Manteigas - Serra da Estrela, Portugal
2010

bom ano a todos!

"Não posso adiar o amor para outro século
não posso
ainda que o grito sufoque na garganta
ainda que o ódio estale e crepite e arda
sob as montanhas cinzentas
e montanhas cinzentas

Não posso adiar este abraço
que é uma arma de dois gumes amor e ódio

Não posso adiar
ainda que a noite pese séculos sobre as costas
e a aurora indecisa demore
não posso adiar para outro século a minha vida
nem o meu amor
nem o meu grito de libertação

Não posso adiar o coração."
António Ramos Rosa

3 comments:

José María Souza Costa 1/10/2011 5:52 da tarde  

Belissimo, avassalador
Passei aqui lendo o que tem pra ler. E observando o que tem para observar. E Exaltando o que tem de ser Exaltado. Estou lhe desejando um Tempo de Harmonia e de muita Inspiração. Entendo ter um blogue Agradavel, muito bom e Interessante. Eu, também tenho um. Muito Simplório por sinal. E estou lhe Convidando a Visitá-lo e, mais. Se possivel Seguirmos juntos por eles. Estarei Muito Grato esperando por Você lá.
Abraços de verdade e, fique com DEUS

Malu Machado 1/15/2011 3:29 da manhã  

Lindo texto. Não conhecia. Adiar a vida, e quantas vezes fazemos isso? Até que uma paixão nos atormenta e nos vira de cabeça para baixo, não é mesmo?

Pelo menos poderemos falar como Neruda. Confesso que vivi.

Um abraço,

anaPaipita 1/24/2011 9:20 da tarde  

José Maria, obrigada! Irei visitar esse blog.

***


Malu, é muito bonito, também acho... Todos os dias se adiam os dias, restam as excepções... Obrigada! :)

***

Impressões

Grãos no pó

  © Blogger template 'anaPaipita' adapted from Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP